Empresas contratam por Competência Técnica e demitem pela Comportamental

Selecionadores de pessoas se encantam com um currículo recheado de competências técnicas. Será que isso basta?